Education Technology
  • You go girl! Experiências de mulheres em STEM.

    Posted 04/12/2021 by Sónia Reis

    O que podemos fazer para transmitir confiança às alunas do Ensino Secundário de forma a motivá-las para aprendizagens e carreiras STEM? Num mundo em que soluções científicas e tecnológicas são necessárias desesperadamente, não podemos excluir metade do talento mundial. Precisamos de raparigas e mulheres! A nossa rede de professores T3 compreende a importância de motivar as alunas a prosseguir STEM. Quatro formadores  do T3 e duas alunas da Europa partilham as suas experiências com as  questões de género, métodos de sala de aula e educação STEM.

    Ler mais...
  • Como realizei atividades laboratoriais durante o confinamento

    Posted 03/18/2021 by Fernanda Neri, professora de Física e Química, Escola Secundária de Amares, Portugal

    Como podem os meus alunos realizar as atividades laboratoriais obrigatórias no currículo durante o confinamento? Como professora de física e química, gostaria de partilhar a minha experiência de mudança para aulas virtuais devido à pandemia. Aprender fazendo é importante para mim; é assim que os alunos adquirem uma verdadeira compreensão da física e da química. Quando tenho oportunidade, entro sorrateiramente num laboratório para usar exemplos práticos para explicar os conceitos, mesmo durante as minhas aulas regulares. Sem estas opções durante o confinamento, trabalhei em soluções com a ajuda da tecnologia TI-Nspire™ CX.

    Ler mais...
  • Projeto de Física: alunos desenvolvem soluções sustentáveis para o processamento de resíduos

    Posted 10/23/2020 by Sónia Reis

    Após o confinamento, o novo ano letivo começou da melhor forma para os alunos de Física do último ano do Ensino Secundário do Colégio Martinus, em Grootebroek na Holanda. Como parte integrante dos exames, os alunos participaram num projeto de 4 semanas com o objetivo de desenvolver soluções sustentáveis para o processamento de resíduos. Os alunos usaram a metodologia scrum e sprints para criar as suas próprias soluções, utilizando a tecnologia TI-Nspire™ CX e programação em Python. “Para perceberem o nível de entusiasmo dos alunos, nós tínhamos que os obrigar a ir para casa no fim do dia, ”, ri Hanneke Doodeman, coordenador da equipa da escola.

    Ler mais...
Mais